27/09/15

Inauguração da exposição JOSEFA - Rita Reis

Exposição | JOSEFA
RITA REIS

Visite-nos de 19 de Set. a 19 de Out.

Horário | seg. a qui. 11h às 20h
             sex. e sáb. 11h às 00h

Local | Biscoito _ Atelier . Galeria . Café

 

Momentos de muita alegria contagiados pelo sorriso da nossa Rita Reis, transportando emoções muito positivas para as suas ilustrações... A personagem que criou é acima de tudo muito querida e divertida. "Josefa" é uma avózinha para quem a vida continua a ter muita cor, magia e alegria, para quem a idade pouco importa, com alma de criança.

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito
direitos reservados a Biscoito




direitos reservados a Biscoito


direitos reservados a Biscoito
direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito



direitos reservados a Biscoito

Adicionar legenda
direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

16/09/15

Rui Oliveira e convidados Micaela Vaz, Rui Aires...


Rui Oliveira e convidados cantam canções no Biscoito

25 de Set.
22h

Rui Oliveira: voz e guitarra
Convidados: Micaela Vaz, Rui Aires...

Natural de Aveiro, foi ao som de cantores como José Afonso, Fausto, Chico Buarque, Bob Dylan, ou Paul Simon que Rui Oliveira, na adolescência, passava longas noites de exploração da voz e da guitarra para se acompanhar.


Entre 1991 e1996 estudou Filosofia Na Universidade de Coimbra,
Terminado o curso e a carreira de atleta profissional, fez a primeira de muitas viagens, que viriam a mudar o rumo da sua vida. Trabalhando como músico, cantando e tocando guitarra, percorreu vários países da Europa, levando na bagagem o amor pela música e em especial pela música tradicional portuguesa e o fado.

Viajando sozinho, sempre procurou interagir com os músicos locais, desenvolvendo o gosto pela partilha, comunicação e improvisação musical ao vivo.

Desde então tem produzido espetáculos ao vivo trazendo a palco as várias personagens que o habitam, sempre com o denominador comum da raiz portuguesa.

No dia 25 vem cantar canções ao Biscoito e convidou alguns amigos para partilhar o palco.

“Comunicando, construímos quem somos”

Reservas 5 biscoitos
em geral@espacobiscoito.com | 965140660

Local | Biscoito_ Atelier . Galeria . Café
rua D. Jorge Lencastre, 7 Aveiro

www.espacobiscoito.com
www.ruioliveiramusica.com

2 dedos de conversa


No dia 18 de Setembro o Biscoito recebe Hermano Noronha para dois dedos de conversa sobre a sua participação na Exposição Europeia “The City and Me”, dois dias depois de regressar da sua inauguração em Linz, Aústria.
AVEIRENSE foi um dos vinte projectos selecionado pelo curador Lucas Cuturi para integrar a Exposição Europeia da CreArt, sendo a única presença Portuguesa na exposição.
Hermano Noronha reside em Aveiro, é o responsável pela OfFo – Oficina de Fotografia e encontra-se a terminar o Mestrado em Criação Artística Contemporânea na Universidade de Aveiro com o Projeto PRESENTE, um projecto já distinguido com a Bolsa Estação Imagem Mora 2014 prémio atribuído por um júri internacional liderado por Paolo Pellegrini, da Agência Internacional de Fotografia MAGNUM.
PRESENTE esteve exposto durante Agosto no Centro Português de Fotografia inaugurando a 10 de Setembro em Mora e indo de seguida em Novembro para Lisboa.
Hermano Noronha começará por partilhar a experiência da realização do projecto AVEIRENSE, que esteve exposto no Museu da Cidade de Aveiro em Novembro, sendo depois a conversa aberta à participação com o público.
fico à vossa espera, Hermano Noronha

www.hermanonoronha.net

Entrada Livre
geral@espacobiscoito.com

www.espacobiscoito.com
Rua D. Jorge Lencastre, 7 Aveiro

14/09/15

Exposição JOSEFA de Rita Reis




Exposição JOSEFA 

de Rita Reis


19 set.

16h



Os mimotrapus surgem da necessidade básica de criar, de fazer nascer personagens e narrativas que, inexplicavelmente, se cruzam nalgum ponto de um outro universo.

"Como se fossem moldados a partir do sorriso de crianças, os objectos reanimam-se, depois de esquecidos ou tornados matéria caótica em montes de inutilidade programada. No singular acto de brincar, a matéria torna-se num Mimo que se transfigura e vive a partir de uma identidade original tornada invisível pela massificação." Vitor Reis

ritareis Nasceu na cidade de Aveiro em 1984, onde cresceu e onde vive actualmente. Licenciou-se em Artes Plásticas-escultura na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.
Os mimotrapus surgiram por brincadeira, pela necessidade de materialização de narrativas e personagens.
Desenvolve diversos trabalhos nas áreas da ilustração, escultura/instalação e cenografia. Tem vindo a realizar várias exposições individuais e colectivas em diferentes cidades como Aveiro, Ílhavo, Porto, Guimarães, Lisboa.

portfólio mimotrapus

Local | R. Jorge Lencastre, 7 Aveiro
www.espacobiscoito.com


25/07/15

Mais um grande momento no Biscoito com Com~Tradição

Na passada quinta aconteceu mais um momento de grande musicalidade, amizade e amor pela arte. Os franco-belgas Com~Tradição apresentaram o projeto quando o tempo se quer pousarpousaram-se assim num cantinho caloroso como o nosso biscoito...
Um cenário que casou projeto e espaço com uma tradicionalidade vanguarda. Sempre um pé que se quer levantar para uma dança, e um olho que se quer fechar para o sonho... é de grandes sonhos que surgem grandes momentos. Um tanto de fado, um pouco de bossa, um cheiro de Jazz... Que mais se pode querer!
E com uma surpresa inesperada para o público, dá-se de novo o encontro do músico aveirense Rui Oliveira, com o amigo Rui Salgado, músico, cantor, compositor e letrista portuense radicado na Bélgica, sempre muito acarinhados pelo público. 

todos os direitos reservados a Biscoito

todos os direitos reservados a Biscoito

todos os direitos reservados a Biscoito

todos os direitos reservados a Biscoito

todos os direitos reservados a Biscoito

todos os direitos reservados a Biscoito


todos os direitos reservados a Biscoito

20/07/15

a Lingua e a Alma - música e poesia



Espetáculo de música e poesia " a lingua e a alma"
com: Gabriel de Almeida Prado e Fernanda de Almeida Prado
25 de Julho

19H

Local | biscoito_ Atelier . Galeria . Café
rua Jorge Lencastre, 7 Aveiro

Entrada Livre

Reservas geral@espacobiscoito.com
www.espacobiscoito.com | 965140660

" O cantautor Gabriel de Almeida Prado apresenta seu show: “A língua e a alma”
O jovem artista Gabriel de Almeida Prado vem confirmar que a música brasileira vai bem, obrigado. Gabriel mostra um leque de canções que expõem seu olhar cheio de poesia sobre as questões existenciais, amorosas e antagônicas da vida.
Versátil, aproveita-se de variados ritmos que o ajudam a cantar (e contar) os contraditórios e complementares lados de um mundo que, sim, é mau, mas, apesar disso, não deixa de nos surpreender com suas maravilhas.
O show é um raro momento de boa música e poesia que produz grande encantamento no público presente, com canções de Gabriel e declamações com Fernanda de Almeida Prado.
No repertório, Gabriel mescla canções de seu primeiro disco, “A Língua e a Alma” (que será lançado no Brasil no segundo semestre de 2015), com outras inéditas. O nome de seu CD foi inspirado no poema com o mesmo nome, de seu avô materno, o poeta Antônio Lázaro de Almeida Prado. Fernanda de Almeida Prado, filha do poeta, conviveu a vida inteira com poetas e vários outros artistas e a partir desta convivência se inspirou e criou o projeto “Chama Poética”, que desde 2004 acontece mensalmente na Casa das Rosas Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura e é uma referência nos encontros poéticos na cidade de São Paulo."

Gabriel de Almeida Prado: voz e violão
Fernanda de Almeida Prado : declamação
Tempo do show: 60 min
Para público variado de qualquer faixa etária
Necessidades técnicas: 2 microfones mesa de som para plugar violão com retorno


Gabriel de Almeida Prado
é compositor, cantor e violonista.

Estudou violão com artistas como Bill Saramiolo e Emiliano Castro; canto com Ju Caldas e Sonia Andrade; e composição com Kléber Albuquerque.
Participou de diversas apresentações musicais e poéticas em várias localidades do Brasil, como, entre outras, São Paulo (capital e interior), João Pessoa (PB) e Bonito (MS).
Tem parcerias com diversos artistas, entre eles Adolar Marin, Alexandre Lemos, Alexandre Mello, Élio Camalle, Kana, Kléber Albuquerque, Léo Nogueira, Neno Miranda, Márcio Policastro e Sonekka. Além destes, musicou poemas de Luiz Augusto Cassas e Lúcia Santos.
Tem composições gravadas por seus parceiros Élio Camalle, Kana e Kléber Albuquerque.
Atualmente, é um dos sócios do Chama Poética, do qual é também codiretor artístico.
Finalizou seu primeiro trabalho fonográfico “A Língua e a Alma”, com previsão de lançamento para segundo semestre de 2015.

Fernanda de Almeida Prado
produtora cultural.

Fernanda Maria Bueno de Almeida Prado, conhecida nos espaços culturais como Fernanda de Almeida Prado, é idealizadora, mentora e diretora do Sarau ‘Chama Poética” que existe desde 2004 e do Festival da Palavra, que acontece anualmente na UNESP de Assis desde 2010.
Psicóloga, Psicanalista, Produtora Cultural e Agente Literária de seu pai, o poeta Antônio Lázaro de Almeida Prado. Cursou Psicologia na UNESP campus de Assis, fez sua formação Psicanalítica no Instituto Sedes Sapientae, foi aluna do curso de filosofia ministrado por Prof. Dr. Luiz Alfredo Garcia Rosa durante 3 anos. Participou de grande variedade de cursos sobre Mitologia, Filosofia e Literatura na UNESP, USP e cursos livres da Casa das Rosas e Biblioteca Alceu Amoroso Lima. Recebeu influência em sua formação literária de seu pai, Antônio Lázaro de Almeida Prado que é escritor, poeta, crítico literário e professor de Teoria da Literatura e Literatura Comparada (professor fundador da Unesp de Assis- aposentado como professor emérito ). Antônio Lázaro é um grande mestre e sempre transmitiu com alegria seu conhecimento. “Durante um longo período de minha infância e juventude assisti as varias produções das Noites de Música e Poesia da UNESP e Catequese Musical que foram produzidas por meu pai, e que marcaram a toda uma geração de jovens estudantes da UNESP e moradores de Assis e região. O Sarau Chama Poética, organizado por mim é uma reedição destas Noites de Música e Poesia produzidas naquela época por meu pai.”

Desde o ano de 2004 o Sarau Chama Poética já foi apresentado em diversos espaços culturais, tais como: Casa das Rosas, Biblioteca Alceu Amoroso Lima, Museu da Língua Portuguesa, Biblioteca São Paulo, Parque do Ibirapuera, Centro Cultural e de Estudos Superiores Aúthos Pagano, Sesc Consolação, Sesc Santo André, Sesc Ipiranga, Sesc de Araraquara, Sesc de Bauru, Sesc de Bertioga, Sesc Pinheiros, Sesc de Presidente Prudente, Praça da cidade “Quadra”, Unesp de Assis, Unesp de Araraquara, Unesp de São José de Rio Preto, Universidade de São Paulo ( em parceria com o curso de Letras da USP), Etec Prof. Milton Gazzetti (agrícola) Município de Presidente Venceslau, Parque da Água Branca, FMUSP- Faculdade de Medicina/USP, Casa Guilherme de Almeida, Festival de Inverno de Bonito, Encontro de Literatura e Psicanálise de Ribeirão Preto, etc..
Esteve em Portugal e Itália em 2008 e 2012, participando do Festival de Poesia de Gênova (Itália) e participou de encontros literários em Portugal nas cidades de Porto, Coimbra, Lisboa e Aveiro.
Em 2008, apresentamos o Sarau Chama Poética na Itália, na Casa América em Gênova, com músicos e poetas brasileiros e nosso projeto foi muito bem acolhido. Em 2012 fomos recebidos por vários poetas e escritores em Portugal e novamente fizemos um encontro poético na Biblioteca Bério em Gênova.
Realizamos também o Festival Cem anos do Futurismo na Casa das Rosas, o projeto: Brasil e Portugal de mãos dadas, com participação de artistas brasileiros e portugueses e o projeto Due Patrie, com artistas brasileiros e italianos. Em 2013 fizemos um evento com a poesia cubana, com participação do poeta cubano Felix Contreras e no Festival da Palavra de 2014, recebemos o grupo da Guiné Bissau, Netos de Bandim.
Os saraus organizados por Fernanda são temáticos e primam pela delicada costura entre as diversas expressões artísticas, privilegiando a poesia e prosa poética escrita em língua portuguesa.
Fernanda é também a idealizadora e diretora do Festival da Palavra que acontece anualmente na UNESP de Assis. Realiza mensalmente o projeto Inconsciente Literário no Sesc Pinheiros, fazendo a mediação e curadoria do projeto.
PUBLICAÇÕES

24/06/15

Concerto COM-TRADIÇÂO


















Concerto Com-Tradição 

23 Julho ( quinta)
22h

Local | biscoito
Reservas | 4 biscoitos
geral@espacobiscoito.com | 965140660

Com~Tradição
Quando o Tempo se Quer Pousar
O que faz um grupo musical franco-belga, e radicado na Bélgica, que tem como base primordial do seu trabalho a música portuguesa de raiz tradicional, os seus cantautores mais emblemáticos (nomeadamente José Afonso e Sérgio Godinho) ou o fado? Faz o que fazem, porque é deles que se fala aqui, os Com~Tradição: uma música portuguesa, de certeza, mas aberta ao mundo e nela integrando outras sonoridades, do jazz à bossa-nova, da chanson à música árabe e indiana. Uma música que olha para Portugal ao mesmo tempo de perto e de longe, com a proximidade
de quem ama o seu povo e as suas gentes mas com o distanciamento crítico que a diáspora pode e deve dar.
Mas, para se perceber quem realmente são os Com~Tradição, o melhor é contar a sua história desde o princípio. E no princípio está Rui Salgado, músico, cantor, compositor e letrista portuense que terminou o curso de jazz, especializando-se em contrabaixo, na Escola Superior de Música do Porto. Em 2006, Rui trocou a Invicta pela cidade de Leuven, nos arredores mas já de cultura flamenga, de Bruxelas, onde gravou um álbum, “Conto”, com o grupo de jazz Bansuri Collective. Lançado em 2008 pela editora Mogno Music, o disco venceria um importante concurso musical da Bélgica, o Brussels Jazz Marathon, mas Rui sentiu a necessidade de começar a fazer uma música mais acessível e, ao mesmo tempo, mais próxima das suas raízes portuguesas. E, por um acaso do destino, um pequeno concerto na escola em que Rui dava aulas de música, e para o qual convidou a cantora belga de origem portuguesa Nicole Cangueiro, professora de inglês e holandês na mesma escola, transformar-se-ia no embrião que daria origem aos Com~Tradição.

www.espacobiscoito.com

10/06/15

Férias com arte e ciência











Começamos o dia a despertar o corpo e a mente, para depois estarmos prontos para nos expressarmos, através do drama, da criatividade, da expressão, das artes plásticas e das experiências divertidas.
Vamos acima de tudo descobrir e exprimir as nossas capacidades, e claro vamos-nos divertir imenso!

Programa

8h45 às 9h15 Chegada das crianças.
Manhã exercícios e jogos de expressão corporal e dramática.

12h-13h Almoço

Tarde
13h jogos no jardim, lúdicos e de relaxamento. Disfrutar da frescura da sombra das árvores. 

14h atividades plásticas ( observando, desenhando, pintando e modelando de forma expressiva dando espaço à liberdade de escolha e respeitando ritmos e capacidades).

16h30 lanche

17h laboratório das ciências ( temas das experiência: ar e gazes, água e líquidos, quente e frio, cor e luz, os sentidos)

18h entrega das crianças.

Recomendações as crianças devem vir com o protetor aplicado, devem trazer uma mochila com 1 garrafa de água, um avental, protetor solar e chapéu. 
Facultativo - um colchão de ginástica. 

Calendario

Julho 29 de jun. a 31 de jul.

Agosto  17 a 28

Setembro 31 de Ago. a 11 de Set.

Inscreve-te nas semanas de férias! (Não incluem sábado e domingo)

O nº mínimo de crianças para realizar o programa semanalmente são 10 e máximo 15.
Aceitamos crianças dos 5 aos 12 anos

Informações geral@espacobiscoito.com







Biografia Helena Zália

Foto de Mónica Amado
















Helena Zália - Biografia
Nasceu em Guimarães.
Licenciada em Ensino de Educação Visual - Escola Superior de Educação de Leiria, e em Design de Comunicação - Universidade de Aveiro. Master en Diseño y Producción Gráfica – Universidad de Barcelona.
Ao longo dos anos tem completado a sua formação em workshop’s e acções de formação de Desenho, Pintura, Serigrafia, Fotografia, Escultura, Cerâmica, Animação, Marionetas e Ilustração.
Participou em exposições colectivas de Pintura, Fotografia, Design e Ilustração.
Prémio de Ilustração - V Concurso Literário da Trofa.
Ilustrou os contos — Pirilampo e os deveres da escola de João Alberto Roque; Andava, andava, andava … em Guimarães de Zita Rosa; Gémeos de João Manuel Ribeiro; Máquina de Sonhos dos alunos do Clube de Poesia da Escola João Afonso de Aveiro.
Ainda no domínio da ilustração, participou no 1º, 3º, 5º e 7º Encontro Nacional de Ilustração de São João da Madeira, assim como, já expôs o seu trabalho individualmente.
Desenvolve projetos na área do Design de Comunicação e Ilustração, sobretudo de carácter pessoal.
Dedica-se à criação de personagens tridimensionais em ligadura de gesso, desde 2003, realizando exposições das mesmas.
No início de 2012 criou a instalação permanente “Com os pés na terra e a cabeça nas nuvens” para o Museu do Brincar [Vagos].
Leciona as disciplinas de Educação Visual e de Educação Tecnológica na Escola Básica da Gafanha da Nazaré – Ílhavo.


01/05/15

Concerto - Joaquim Pavão




Concerto_ Joaquim Pavão

7 de Maio
21h30

Espaço Biscoito ( Rua D. Jorge Lencastre, 7 Aveiro)

Reservas 7 biscoitos em 
geral@espacobiscoito.com | 965140660

www.espacobiscoito.com

Musica | Joaquim Pavão
Guitarra | Joaquim Pavão
Som | Luís Ribeiro

Apoio | MUSA https://www.facebook.com/musaveiro?fref=ts

Notas de autor
Apontamentos para um curriculum

Encontro renitências. Não sei bem porquê. A principio poderia defender que não tinha feito nada que valesse a pena assinalar. Mais tarde, com o tempo, amontoa-se os factos e acontecimentos. Matéria primordial para construção de um texto que permita de alguma forma uma apresentação formal. Cronologicamente cria percurso, por importância cria um discurso e no entanto nada parece dizer.

Numa conversa de jantar, ouvi com imensa atenção: -”gostaria de receber partituras sem indicações, apenas as notas”. Sábia frase aqui transladada, aumentada do seu contexto, sem direitos de autor. Assim, sou apenas aquilo que faço, sem recorrer a um pretérito. Talvez fará mais sentido colocar apenas o que gostaria de fazer. Informação vital. Pois que mais posso ser, o que mais posso dar a conhecer, do que apenas uma serie de vontades.

Gostaria de não parar de escrever, de tocar. Gostaria de morrer bastante tarde, gozar de boa saúde enquanto respiro. Apenas isso...

Joaquim Pavão, 2008


27/04/15

Inauguração da Exposição Sereias e Corais

Momentos da inauguração da exposição de Paula Rebelo e Inês Freitas no passado dia 25 de Abril.
Lá do fundo do mar, em redes, trouxemos os mais belos corais e sereias encantadas e encantadoras...
D.R. Biscoito

D.R. Biscoito

D.R. Biscoito

D.R. Biscoito

D.R. Biscoito

D.R. Biscoito


D.R. Biscoito

D.R. Biscoito
D.R. Biscoito

Adicionar legenda

17/04/15

Um cheirinho a concerto Homónimo

Foi assim ontem no espaço Biscoito...um encontro com muita musicalidade, vozes e melodias que nos inspiram e elevam ao sonho.  Estava tudo lá, a amizade, o amor à música e a improvisação. 
Mais quente ficou o coração...
Fica um agradecimento aos músicos, Rui Oliveira, Rui Salgado, Micaela Vaz e Victor Costa.
Agradeço também o apoio e disponibilidade à Zeca Aveiro.

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito


direitos reservados a Biscoito

direitos reservados a Biscoito

11/04/15

Concerto duplo "Homónimo"






































HOMÓNIMO 
Concerto duplo com Rui Salgado e Rui Oliveira

Convidados 

Micaela Vaz e Victor da Costa.

A amizade, o gosto pelas canções e a improvisação musical reúnem os dois músicos no espaço Biscoito para um encontro único em Aveiro.

16 de Abril 
21h30


Local_espaço Biscoito
www.espacobiscoito.com


reservas 4 biscoitos (devem ser levantadas 15 min. antes)
geral@espacobiscoito.com | 965140660


Rui Oliveira (FADO solo)

Texto : "...acompanhando-me à guitarra, canto por todo o mundo persistindo em fazer da minha vida uma aventura."
Deslocando-se e dormindo na sua velha carrinha, o cantor aveirense viaja frequentemente pela Europa.
Recentemente fez espectáculos na Eslovénia, Croacia, França, Espanha, Itália, Grã-Bretanha, Finlândia e Líbano.
Os músicos que conheceu e com quem partilhou o palco nessas viagens foram os seus grandes professores.
As viagens fora de Portugal, além de lhe despertarem o interesse por músicas de outras culturas, aprofundaram em si o gosto pela música portuguesa e particularmente pelo Fado. Em FADO solo, canta Fado tradicional e "canções da mesma família".

SITE www.ruioliveiramusica.com
FACEBOOK www.facebook.com/ruioliveiramusica

Rui Salgado

Texto: Nascido no Porto, a sua trajetória musical começa pelo baixo eléctrico, desenvolvendo ao mesmo tempo o seu crescente interesse pelo Jazz.
Torna-se músico profissional aos 21 anos. Ingressa na ESMAE, Porto, em 2003, onde estuda Contrabaixo, finalizando os seus estudos em Leuven, Bélgica.
A viver e a trabalhar em Bruxelas desde 2006, trabalha com os grupos Com~Tradição, Hijaz, Diab quintet, Maarten decombel trio , como compositor, autor e instrumentista (Comtrabaixo,Guitarra,Bansuri,Voz).
Formou o projecto " Com~Tradição" com Nicole Cangueiro na voz - apoiado pela Embaixada de Portugal em Bruxelas e pelo Instituto Camões - do qual resultou a gravação do primeiro CD em Março de 2014.
Vem desta vez apresentar no Porto, Aveiro e Albufeira um novo repertório de composições originais.

SITE www.ruisalgado.org
FACEBOOK www.facebook.com/rui.salgado.52

Convidados
www.micaelavaz.com/
www.facebook.com/victor.dacosta.9678?fref=ts

28/03/15

Saídos das Cascas - Workshop de Cerâmica


























WORKSHOP CERÂMICA
"Saídos das cascas" 

2 de Abril das 15h às 17h30

Os animais nascem dos Ovos?
Podes dizer-me o nome de algum?
Afinal o que sai de dentro de um ovo?
E das tuas mãos o que sairá?

Saído das cascas é um workshop pensado para crianças que desesperam por novas experiências, ou que já experimentaram brincar e criar com barro e querem repetir...! 
Nesta altura de férias, é importante que não percam a vontade de aprender e ter novas experiências, e principalmente viver este momento contactando com outras crianças que partilham os mesmos interesses. 

Público Alvo _ crianças dos 4 aos 12 anos
as crianças menores de 6 anos devem vir acompanhadas por um adulto.

Material necessário _ roupa que possam sujar, ou uma bata.

Os alunos que desejem lanchar devem informar no acto da inscrição.

Inscrição 10 biscoitos ( não inclui lanche)
(até 1 de Abril )

Informações em geral@espacobiscoito.com | 965140660
www.espacobiscoito.com